Convite Indecoroso para Churrasco: A Sutileza do “Money In”

Imagine que alguém que você admira lhe convide para um churrasco em sua casa. Entretanto, o anfitrião vai logo avisando os interessados que não tem carne e bebidas. Portanto, cada convidado deve trazer um quilo de picanha e meia dúzia de cervejas para contribuir para o churrasco. Entretanto, não é só isso. Para participar do churrasco, o convidado tem também de pagar uma entrada de R$ 100,00 por pessoa! Que tal? Gostou do convite? Não é “fofo”?

2012-05-17 07.57.47

Ontem, durante uma aula no curso de mestrado de uma escol de negócios, um aluno me perguntou: “Professor, imagine que uma empresa vai fazer uma oferta inicial e pública de ações (em inglês, IPO – Inicial Public Offering) para captar R$ 0,5 bilhão. Esse dinheiro vai ser usado para empresa duplicar a capacidade de sua fábrica. A empresa deve considerar estes R$ 0,5 bilhão no valor da ações que quer vender?”

Para entender a pergunta, vamos imaginar que as ações da empresa, antes de fazer captar os R$ 0,5 bilhão, mas já considerando a duplicação da sua fábrica vale R$ 1 bilhão. Este valor é denominado de “Pré Capitalização” (em inglês, Pre-Money). Se o capital social da empresa é constituído por 100 milhões de ações, o valor de cada ação é de R$ 10,00. Antes do IPO, 100% destas ações pertenciam ao dono da empresa.

Pré-Capitalização Pós-Capitalização Variação
Valor ações (R$ Milhões) 1.000 1.500 500
Captação (R$ Milhões) 500 500
No. Ações (milhões unidades) 100 150 50
Valor por ação (R$ / ação) 10,00 10,00
Participação Novos Acionistas 0,0% 33,3% 33,3%

Com a capitalização e a entrada do R$ 0,5 bilhão dos investidores que, em troca, receberão 50 milhões (R$ 10,00 por ação), a empresa passa a valer R$ 1,5 bilhão (o valor das ações pós capitalização, ou inglês, “Money In”). Deste total, os investidores teriam 33,3% das ações da empresa e seu dono, a diferença, 66,7%. Mas, a pergunta do aluno foi diferente: o empresário não pode incluir os R$ 0,5 bilhão no valor Pré Capitalização? Se fosse este o caso, os investidores teriam de pagar R$ 15,00 por ação (R$ 1,5 bilhão dividido por 100 milhões de ações) e não R$ 10,00. Sem saber, o aluno estava convidando os investidores para um churrasco indecoroso, como o descrito no primeiro parágrafo.

Pré-Capitalização Pós-Capitalização Variação Churrasco
Valor ações (R$ Milhões) 1.000 1.500 500 2.000
Captação (R$ Milhões) 500 500 500
No. Ações (milhões unidades) 100 150 50 33
Valor por ação (R$ / ação) 10,00 10,00 15,00
Participação Novos Acionistas 0,0% 33,3% 33,3% 25,0%

Neste caso, com o mesmo aporte (R$ 0,5 bilhão), o investidores teriam 25% das ações e não 33,3%. Este é o “truque” do esperto anfitrião: o investidor traz a picanha e a cerveja (R$ 0,5 Bilhões) para a empresa fazer o “churrasco” (expansão da fábrica) e ainda cobra a entrada (vende ações por R$ 15,00 e não R$ 10,00 e ainda fica com uma porcentagem menor do capital social (25% ao invés de 33,3%).

E aí, topas um churrasco?

About Eduardo Luzio

Economista pela USP (88) e PhD pela PhD University of Illinois (93). Consultor em finanças corporativas e estratégia. Professor de finanças na FEA-USP, FGV -SP e Insper.

No comments yet... Be the first to leave a reply!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: